quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Por ai mais um perdido

Tenho encontrados muitos loucos por ai. Perdidos como eu estava. Estão a minha volta e me envolvem como cupins na luz. Não posso salvá-los. Sozinho não posso salvar a mim mesmo. Mas depois de andar tanto deserto a dentro, reconheço que não há mais volta. Quaisquer delírios ou tropeços vão acontecer aqui nesse vazio desolado. Nessa secura de ilusões. Até quando devorei meus livros dias atrás, eu sabia que estava desesperado e fora de controle, pela fome e sede. Mesmo então o fiz racionalmente, me autodestruindo consciênte. Agora que sei que nao posso fugir ou me esconder, aceito que ele esta aqui espreitando nas sombras. Pronto para devorar minhas palavras. Sim, é meu demônio e ele não esta mais rindo.